Woodnymph coroado

Beija-flores podem ser fascinantes para observar, mas mesmo os observadores mais experientes têm dificuldade em saber como identificar beija-flores por causa de seu pequeno tamanho e movimentos rápidos. Com um pouco de prática, no entanto, pode ser fácil identificar diferentes espécies de beija-flores.

Equipamento necess√°rio

Os observadores de aves com o equipamento certo estarão melhor preparados para identificar espécies de beija-flores complicadas.

  • Bin√≥culosUm bom par de bin√≥culos para observa√ß√£o de aves √© inestim√°vel para aproximar essas pequenas aves o suficiente para ver os detalhes necess√°rios para uma identifica√ß√£o adequada.
  • Guia de campoUm guia de campo com v√°rios perfis de esp√©cies de beija-flores √© √ļtil para distinguir entre algumas das esp√©cies quase id√™nticas, particularmente quando se observa beija-flores f√™meas.
  • Esta√ß√£o de alimenta√ß√£oOs observadores de p√°ssaros que t√™m a sorte de ter beija-flores visitando seu quintal podem montar uma esta√ß√£o de alimenta√ß√£o dedicada para atrair as aves para uma boa posi√ß√£o de observa√ß√£o. As flores certas e o n√©ctar tamb√©m v√£o atrair os beija-flores a permanecerem tempo suficiente para uma identifica√ß√£o adequada.

Três maneiras de identificar beija-flores

Existem três maneiras básicas de identificar aves, incluindo beija-flores: por aparência, por comportamento e por território.

Por aparência

Estudar a aparência de um beija-flor é a maneira mais fácil de identificar o pássaro desconhecido. Características específicas para procurar incluem:

  • Cor da garganta e marca√ß√Ķes
  • An√©is oculares, sobrancelhas ou listras perto dos olhos
  • Comprimento da nota, cor e curvatura
  • Colora√ß√£o da plumagem, particularmente nas costas, asas, cabe√ßa e lados
  • Pontos de cauda ou bandas
  • Posi√ß√£o da cauda e forma
  • Forma e tamanho geral do corpo do p√°ssaro

Para algumas esp√©cies de beija-flores, a apar√™ncia da ave pode ser a melhor maneira de identific√°-la. Os beija-flores, por exemplo, s√£o o √ļnico beija-flor comum na Am√©rica do Norte com uma plumagem alaranjada ou enferrujada, enquanto os beija-flores calliope s√£o os √ļnicos p√°ssaros que t√™m uma garganta riscada e r√≥sea.

Para muitas outras espécies de beija-flores, no entanto, os observadores de aves precisarão observar mais do que apenas a aparência da ave para fazer uma identificação positiva.

Por comportamento

Todos os beija-flores se alimentam de flores e alimentadores de n√©ctar, e todos eles t√™m um v√īo r√°pido e nivelado. H√° outras peculiaridades em seu comportamento, no entanto, que podem fornecer pistas sobre sua identidade.

  • Os p√°ssaros preferem pairar ou se empoleirar durante a alimenta√ß√£o?
  • Qu√£o agressivas s√£o as aves para outros beija-flores ou outras esp√©cies de aves?
  • Como a cabe√ßa ou cauda do p√°ssaro se move enquanto bebe?
  • Os p√°ssaros fazem barulho enquanto voam ou pairam?

Responder a essas perguntas sobre o comportamento das aves pode ajudar a identificar os beija-flores. Os beija-flores, por exemplo, são extremamente ferozes e agressivos, e assediarão outras aves canoras e ativamente combaterão outros beija-flores se sentirem que seu território está ameaçado.

Por território

Muitas esp√©cies de beija-flores parecem e agem de forma semelhante e, em alguns casos, a geografia do avistamento de aves pode ser a melhor pista para sua identidade. Os observadores de aves que compreendem o territ√≥rio de diferentes beija-flores podem frequentemente fazer identifica√ß√Ķes precisas, mesmo que a apar√™ncia ou o comportamento da ave possam ser incertos.

Por exemplo, os beija-flores de rubi-de-garganta, de Anna e de cauda larga t√™m gargantas avermelhadas, mas todos vivem em regi√Ķes muito diferentes do pa√≠s.

O colibri rubi-throated √© o √ļnico beija-flor regularmente encontrado no leste, e est√° faltando inteiramente de regi√Ķes montanhosas e ocidentais. O beija-flor da Anna √© encontrado ao longo da costa do Pac√≠fico e no sul do Arizona, enquanto o beija-flor de cauda larga √© difundido no sudoeste e na regi√£o das Montanhas Rochosas.

√Č importante notar que, enquanto muitas esp√©cies de beija-flores est√£o separadas geograficamente umas das outras, suas rotas migrat√≥rias muitas vezes as trazem para √°reas onde elas n√£o s√£o vistas regularmente. Os observadores de aves que est√£o cientes da geografia das rotas de migra√ß√£o das aves estar√£o melhor preparados para identificar com precis√£o os beija-flores em qualquer √©poca do ano.

Instru√ß√Ķes De V√≠deo: .

Deixar Um Coment√°rio