Colibri de Anna no inverno

Beija-flores n√£o s√£o tipicamente associados com o inverno, mas dependendo de onde voc√™ est√° observando durante os meses mais frios do ano √© poss√≠vel ver e apreciar essas j√≥ias voadores mesmo em regi√Ķes frias. Beija-flores de inverno n√£o s√£o novidade, e avistamentos na Am√©rica do Norte t√™m sido notados desde os anos 50. Devido ao maior interesse por essas pequenas aves e uma melhor disponibilidade de alimentadores suplementares, no entanto, mais e mais beija-flores t√™m permanecido mais ao norte durante o inverno desde a d√©cada de 1990.

Espécie de beija-flor de inverno

Existem v√°rias esp√©cies de beija-flores na Am√©rica do Norte que podem ser vistas regularmente durante o inverno, mas quando √© inverno? Nas regi√Ķes onde os beija-flores de ver√£o s√£o visitantes regulares, os meses de inverno para os beija-flores fora da esta√ß√£o s√£o geralmente considerados de meados de outubro a meados de mar√ßo. Um inverno mais curto √© comum em locais do sul, enquanto um inverno mais longo √© a norma no norte.

  • Colibri de Anna: Este beija-flor ocidental √© um residente durante todo o ano da costa do Pac√≠fico, do norte de Baja, at√© o norte de Vancouver e do sul da Col√ļmbia Brit√Ęnica. Eles tamb√©m s√£o encontrados durante todo o ano no sudoeste do Arizona e no noroeste do M√©xico.
  • Colibri da Costa: Outra esp√©cie de beija-flor ocidental, os beija-flores de Costa s√£o residentes durante todo o ano no sudoeste dos Estados Unidos. Seu alcance inclui partes da Calif√≥rnia e do Arizona, al√©m da Baja e do oeste do M√©xico.
  • Colibri Rubi-Throated: O hummer de ver√£o mais comum no leste dos Estados Unidos, os invernos de beija-flor de garganta rubi em pequeno n√ļmero no extremo sul da Fl√≥rida. Dependendo do clima de inverno, essas aves tamb√©m podem ser vistas mais ao norte durante as esta√ß√Ķes mais amenas.
  • Colibri Rufous: Principalmente uma esp√©cie de reprodu√ß√£o ocidental, o beija-flor-ruivo geralmente sobrevive em seu intervalo de inverno no centro do M√©xico. Mais e mais desses hummers audaciosos, no entanto, tamb√©m s√£o notados no inverno, no sudeste dos Estados Unidos e ao longo da costa do golfo. As popula√ß√Ķes de inverno s√£o altamente vari√°veis, mas v√™m aumentando nos √ļltimos anos.

  • Beija-flor largo-faturado: Este beija-flor ocidental √© localmente comum no sudoeste dos Estados Unidos durante o ver√£o, e em alguns invernos pode ser encontrado ao norte at√© o sul e o centro do Arizona.
  • Beija-flor-de-bico-inchado: um p√°ssaro de um ano no extremo sul do Texas, o beija-flor-de-barriga-vermelha amplia seu alcance durante alguns invernos para incluir a costa do golfo at√© o leste de Louisiana e Mississippi. Esses anos prolongados n√£o s√£o comuns, mas ocorrem regularmente.

Além desses beija-flores de inverno, outras espécies de beija-flores podem ocasionalmente ser encontradas como pássaros vagabundos longe de seus locais de inverno esperados, trazendo um toque de excitação de verão para os observadores de inverno.

Como os colibris sobrevivem ao inverno

Quando um beija-flor de inverno é avistado, a primeira preocupação que a maioria dos observadores tem é por que um pássaro tão pequeno se arrisca em um ambiente tão inóspito e como pode sobreviver.

Existem v√°rias raz√Ķes pelas quais um beija-flor pode ser visto durante os meses de inverno, mesmo que n√£o seja um residente durante todo o ano em uma √°rea de clima frio. Em primeiro lugar, a esp√©cie pode ser uma migrante precoce ou tardia que busca uma vantagem primaveril para reivindicar territ√≥rio para atrair um parceiro ou adormecer durante sua migra√ß√£o de outono.

Em ambos os casos, uma tempestade temporã ou tardia pode pegar a ave desprevenida. Aves mais jovens, em particular, podem ficar presas em áreas de inverno por causa de sua inexperiência com a migração. Qualquer beija-flor de idade pode ser vítima de tempestades ou outros fatores que o empurram para longe do curso e para o caminho do inverno.

Independentemente do motivo pelo qual um beija-flor é visto no norte quando a temperatura cai, sua sobrevivência pode ser incerta. Os colibris podem entrar facilmente em torpor em noites frias, no entanto, o que lhes permite conservar energia para sobreviver a temperaturas mais baixas quando os alimentos não estão tão facilmente disponíveis. Eles também mudam suas dietas no inverno para comer mais insetos quando as flores de néctar não estão disponíveis. Há outras maneiras pelas quais as aves podem se manter aquecidas no inverno, incluindo os beija-flores, e geralmente, os beija-flores que passam o inverno permanecem em áreas com invernos suaves e menos arriscados.

Como ajudar e atrair colibris de inverno

Birders familiarizados com os visitantes do verão podem ficar chocados ao ver beija-flores no inverno, mas existem maneiras de atrair e ajudá-los a sobreviver até mesmo na estação mais gelada.

  • Plante flores que atraem beija-flores com ciclos de flora√ß√£o precoce e tardia, para que haja uma fonte natural de n√©ctar dispon√≠vel por tantos meses quanto poss√≠vel.
  • Minimize o uso de pesticidas e inseticidas no quintal para que haja uma popula√ß√£o pronta de insetos para esses pequenos p√°ssaros comerem.
  • Tome medidas para evitar que o n√©ctar de beija-flores congele durante as noites frias e mantenha os alimentadores cheios de um novo suprimento para que as aves possam se alimentar de maneira confi√°vel.
  • Providencie abrigo adequado para beija-flores atrav√©s de paisagismo favor√°vel a p√°ssaros ou deixando uma varanda protegida ou √°rea de conv√©s acess√≠vel √†s aves para que elas possam se retirar do vento, da chuva e da neve.
  • Use detalhes em vermelho no quintal e no jardim, especialmente durante o in√≠cio da primavera e no final do outono, para chamar a aten√ß√£o dos beija-flores e inform√°-los que um alimentador de n√©ctar est√° pr√≥ximo.
  • Saiba como entrar em contato com uma organiza√ß√£o de resgate de aves ou reabilitador de aves com a experi√™ncia de beija-flor, caso um colibri aflito seja encontrado.Obter ajuda especializada o mais r√°pido poss√≠vel pode fazer uma diferen√ßa de vida ou morte para os beija-flores.
Beija-flores de inverno pode ser um deleite inesperado para os observadores de aves. Compreender como esses pequenos p√°ssaros chegam √†s √°reas de inverno e como eles sobrevivem a condi√ß√Ķes de congelamento √© o primeiro passo para apreci√°-los com seguran√ßa e incentiv√°-los a ficar.

Instru√ß√Ķes De V√≠deo: .

Deixar Um Coment√°rio