vermelho-breasted-sapsucker.jpg

Um pica-pau de tamanho m√©dio, o sapsucker de peito vermelho era anteriormente considerado a mesma esp√©cie que o sapsucker de barriga amarela e o sapsucker vermelho-naped, mas todas essas aves foram agora divididas em esp√©cies distintas. Saber o que torna cada um √ļnico √© uma √≥tima maneira para os observadores aprenderem mais sobre esses pica-paus coloridos.

Nome comum: Sapsucker de peito encarnado

Nome científico: Sphyrapicus ruber

Família Científica: Picidae

Aparência:

  • Conta: Stout, em linha reta, preto
  • Tamanho: 8-9 polegadas de comprimento com 16-18 polegadas de envergadura, cauda dura, grande cabe√ßa redonda
  • Cores: Preto, branco, vermelho, amarelo, cinza, lustre, marrom
  • Marca√ß√ĶesOs g√™neros s√£o semelhantes com um capuz vermelho brilhante que se estende at√© a garganta e a parte superior da mama. Um patch branco ou amarelo na base do bico pode se estender at√© um bigode em algumas aves. A parte de tr√°s preta tem pequenas manchas amarelo-amareladas no centro, e as asas negras t√™m uma mancha branca em negrito ao longo da borda. A garupa √© branca, e o abd√īmen √© amarelo ou amarelo-esbranqui√ßado, com finas estrias negras. Os coverts de undertail s√£o brancos com listras pretas. A cauda bifurcada possui penas externas pretas e penas internas brancas com listras pretas. O abdome inferior pode parecer acinzentado.
    A intensidade da cor pode variar entre diferentes popula√ß√Ķes e subesp√©cies, e subesp√©cies do sul mostram tipicamente mais brancas que aves do norte, particularmente nas costas.
    Os juvenis são em geral muito mais acastanhados, com uma lavagem vermelha escura no rosto e na mama. Um bigode branco é mais pronunciado em aves juvenis.

Alimentos: Seiva, insetos, frutas, néctar, frutas vermelhas (Veja: Mucivoro)

Habitat e Migração:

Esses pica-paus preferem florestas √ļmidas com con√≠feras ou mistas de con√≠feras e dec√≠duas, principalmente √°lamos, pinheiros ponderosa, abetos e cravos. Sapsuckers de peito vermelho s√£o encontrados durante todo o ano ao longo da costa do Pac√≠fico desde o sul do Alasca at√© a costa da Col√ļmbia Brit√Ęnica e a ilha de Vancouver e at√© o sul como as partes ocidentais de Washington e Oregon, bem como o norte da Calif√≥rnia.

No ver√£o, sua √°rea de reprodu√ß√£o expande um pouco mais ao norte e significativamente mais para o interior da Col√īmbia Brit√Ęnica. No inverno, esses pica-paus se movem mais para o sul, para o sul de Nevada, sudoeste do Arizona e norte de Baja.

Avistamentos de vagabundos raramente são registrados muito mais no interior do que o alcance esperado deste pássaro, incluindo o leste até o Texas.

Embora nem todos esses pica-paus migrem, as popula√ß√Ķes das montanhas geralmente permanecem em altitudes m√©dias ou baixas, e migrar√£o em altitudes para evitar o clima de inverno mais rigoroso do norte, embora permane√ßam dentro do mesmo intervalo durante o ano todo.

Vocaliza√ß√Ķes:

Estes pica-paus são geralmente silenciosos, exceto quando cortejam companheiros. A chamada típica é um miado nítido, que pode ter uma qualidade de perfuração. O padrão de percussão é geralmente relativamente lento, com batidas ligeiramente mais rápidas no começo e um padrão geral irregular que inclui batidas simples e duplas no final.

Comportamento:

Estes pica-paus s√£o geralmente solit√°rios ou podem ser encontrados em pares. Em v√īo, eles t√™m um padr√£o ondulado de batidas de asas r√°pidas intercaladas com breves deslizes. Eles usam uma variedade de t√©cnicas de forrageamento, incluindo sondagem, retirada, descascamento para estimular o fluxo de seiva e perfurar uma s√©rie de buracos que podem ser revistados por seiva e insetos.

Diferentes aves também visitarão os poços de seiva, incluindo beija-flores, toutinegras e outras espécies de pica-pau.

Reprodução:

Esses pica-paus s√£o monog√Ęmicos e geralmente se aninham sozinhos ou em pequenas col√īnias. Eles s√£o p√°ssaros que aninham cavidades e o parceiro macho escava a cavidade, geralmente de 15 a 100 p√©s acima do solo com um orif√≠cio de entrada de 1,5 polegadas. Nenhum material de nidifica√ß√£o √© normalmente usado, mas algumas lascas de madeira podem permanecer na cavidade de nidifica√ß√£o ap√≥s a escava√ß√£o.

Os ovos são lisos, brancos foscos e podem ser ovais ou elípticos. Há 4-7 ovos em cada ninhada, e ambos os pais compartilham os deveres de incubação por 12-13 dias, embora a proporção exata de quanto tempo de incubação o pai macho ou fêmea tenha não é bem estudada. Após a eclodir altricial, ambos os pais alimentam os filhotes por 25 a 29 dias, e depois que os filhotes saem do ninho, os pais continuam a oferecer orientação, enquanto os jovens pica-paus aprendem a fazer seus próprios poços de seiva.

Apenas uma ninhada é criada a cada ano.

Estes pica-paus hibridizam facilmente com sapsuckers vermelhos e sapsuckers de barriga amarela.

Atrair Sapsuckers de peito vermelho:

Estes pica-paus podem visitar quintais onde grandes alimentadores de n√©ctar est√£o dispon√≠veis, bem como alimentadores de sebo ou √°rvores frut√≠feras. √Ārvores maduras e sen√Ķes tamb√©m podem atrair sapsuckers de peito vermelho.

Conservação:

Embora esses pica-paus n√£o sejam considerados amea√ßados ou em perigo, eles t√™m sido historicamente perseguidos como pragas de pomares, j√° que a perfura√ß√£o freq√ľente de po√ßos de seiva pode eventualmente matar √°rvores. Sapsuckers de peito vermelho agora est√£o protegidos de tal persegui√ß√£o, mas as atividades de extra√ß√£o de madeira e remo√ß√£o de sen√£o ainda representam uma amea√ßa para os n√ļmeros da popula√ß√£o em geral. Preservar as senhas √© essencial para proteger as √°reas de nidifica√ß√£o.

Aves semelhantes:

  • Sapsucker Vermelho-Naped (Sphyrapicus nuchalis)
  • Sapsucker Amarelo-inchado (Sphyrapicus varius)
  • Pica-pau-de-cabe√ßa-vermelha (Melanerpes, erythrocephalus)
  • Pica-pau Lineated (Dryocopus lineatus)
  • Sapsucker de Williamson (Sphyrapicus thyroideus)
Foto - Sapsucker de peito vermelho © Dan Magneson / USFWS - Pacific Region

Instru√ß√Ķes De V√≠deo: .

Deixar Um Coment√°rio