Homem maduro, ajudando, neta, planta molhando

A rega imprópria das orquídeas é provavelmente a causa de mais mortes de orquídeas do que qualquer outra razão. Regar orquídeas não é complicado - não há um aperto de mão secreto, não há ciclos lunares envolvidos -, mas requer uma mentalidade diferente do que regar plantas domésticas comuns. E isso requer uma compreensão básica de como as orquídeas funcionam.

Compreender as raízes das orquídeas

A grande maioria das orquídeas cultivadas em casa são epífitas, o que significa que elas vivem na natureza agarradas a árvores ou até pedras.

As ra√≠zes dessas plantas s√£o √≥rg√£os altamente especializados que diferem drasticamente das ra√≠zes normais das plantas. Claro, √© dif√≠cil generalizar sobre qualquer coisa quando se trata de orqu√≠deas. Este √© o maior grupo de plantas do mundo, portanto, para cada regra, existem 100 exce√ß√Ķes.

Para o restante deste artigo, o foco é sobre orquídeas tropicais e epífitas. Em geral, é melhor seguir as diretrizes para cada espécie quando se trata de práticas individuais de irrigação.

Raízes de orquídeas são cercadas por uma fina membrana de papel-tecido chamada velame. Esta membrana multiuso absorve rapidamente grandes quantidades de água, adere a superfícies ásperas e promove a troca de minerais e sais. Como um medidor de água caro, o velame orquídea é um excelente indicador das necessidades de água da sua planta. O velame seco é branco ou prateado e o velame recém-regado é verde ou mosqueado (dependendo da espécie).

Aprender a ler as suas raízes de orquídeas é o melhor método para regar corretamente. Lembre-se: a maioria das orquídeas prefere ficar um pouco abaixo da água do que sobre a água. Raízes de orquídeas que são mantidas constantemente molhadas apodrecerão e a planta diminuirá.

Erros comuns de rega

Orquídeas são plantas tropicais, certo?

Ent√£o eles gostam de muita √°gua, certo?

Tipo de. Muitas orquídeas populares são plantas tropicais, mas são plantas tropicais que vivem em árvores. Em seu habitat natural, eles estão expostos a chuvas que podem durar horas ou mesmo dias, mas muitas espécies também estão adaptadas a um período seco, onde pouca chuva pode cair por semanas.

Ao cultivar orquídeas em sua casa, é altamente improvável que você esteja duplicando o ambiente de cobertura de uma floresta tropical, com o fluxo de ar, a umidade e os níveis de luz corretos. Então, tendo isso em mente, aqui estão os erros mais comuns que as pessoas cometem quando regam orquídeas:

Rega com muita frequência

Plantas de orquídeas nunca devem ser deixadas em águas paradas. Em muitos casos, a planta deve secar completamente entre as regas.

Rega à noite

N√£o importa que tipo de orqu√≠dea voc√™ cultive, sempre regue pela manh√£. Sempre. Rega noturna permite que a √°gua estagnar nas pontas de crescimento da phalaenopsis ou nas bainhas das flores de Cattleyas. Isso encoraja doen√ßas bacterianas e f√ļngicas. Plantas de orqu√≠deas devem estar absolutamente secas indo para a noite.

Ignorando as sugest√Ķes da planta

Orquídeas são muito boas em dizer o que elas precisam. Durante a estação de crescimento, os pseudobulbos devem ser gordos e rechonchudos, e as folhas carnudas devem ser retidas do substrato e espessas.

Algumas orquídeas caducas podem murchar durante o inverno. Isto é bom. Saiba o que você está crescendo.

Regando o caminho certo

Como mencionado anteriormente, √© dif√≠cil generalizar. √Č sempre melhor seguir as regras da sua planta em particular. No entanto, existem algumas pr√°ticas recomendadas que aumentar√£o muito suas chances de sucesso.

Molhe bem. ‚Äč

Quando você faz água, faça como quiser. Produtores diferentes têm regras diferentes, mas muitos produtores profissionais ligam seus sprinklers por 8 ou mais minutos. Produtores caseiros bem-sucedidos às vezes colocam suas plantas, potes e tudo em um balde ou pia de água.

Algumas variedades, como as vandas, podem ser deixadas flutuando na √°gua por um tempo surpreendentemente longo. A ideia √© garantir que o velame esteja completamente saturado. Voc√™ quer min√ļsculas gotas penduradas nas ra√≠zes depois de molhar.

Isso significa que a planta est√° completamente hidratada.

Verifique sua √°gua.

Durante muito tempo, os produtores sérios insistiram que as orquídeas só podiam ser regadas com água da chuva. Hoje em dia, a maioria das pessoas usa apenas água da torneira, e isso é bom. Eu tenho usado a água da torneira por quase 10 anos sem nenhum problema. No entanto, esteja ciente de que a água tratada pode ter maior teor de sal, e um pouco de água é rica em cálcio. Se você vê depósitos se formando em suas plantas, você deve procurar uma nova fonte de água.

Quando em d√ļvida, n√£o.

Se você não tem certeza se deve regar sua orquídea ou não, aguarde. Novamente, existem algumas espécies para as quais isso não funcionará, por exemplo, paphiopedilum e phragmipedium. No momento em que parecem sedentos, deveriam ter sido regados ontem. Mas a maioria das orquídeas epífitas em vaso prefere estar no lado seco do que em excesso.

Fatores que afetam a rega

Se ao menos houvesse um guia f√°cil ou uma pequena fada da √°gua que pairasse sobre suas plantas e dissesse exatamente quando e quanto regar. Infelizmente n√£o h√°. Mas acho que essa √© uma das raz√Ķes satisfat√≥rias para cultivar orqu√≠deas. √Č tudo sobre equil√≠brio e instinto e muita paci√™ncia. Aqui est√£o alguns dos fatores que voc√™ precisa considerar ao desenvolver um cronograma de irriga√ß√£o:
  • Envasamento de m√≠dia. Meios de envasamento diferentes ret√™m diferentes quantidades de √°gua. As pepitas de casca de pinus armazenam uma √°gua por mais tempo que as pelotas de carv√£o ou de argila. Quanto maior a reten√ß√£o de √°gua, menos voc√™ precisa regar. As plantas montadas precisar√£o de mais √°gua.
  • Esp√©cies. Certifique-se de estar familiarizado com sua esp√©cie em particular e seguindo suas regras. Diferentes orqu√≠deas podem ter requisitos de rega muito diferentes, e pode ser muito desafiador ter uma cole√ß√£o mista, sem excesso de √°gua ou submerso, pelo menos, algumas de suas plantas. Eu come√ßaria com apenas uma ou duas variedades favoritas.
  • Temperatura. Quanto maior a temperatura, maior a necessidade de √°gua, em geral.
  • Umidade. Em geral, quanto maior a umidade ambiente, menor a necessidade de rega. A umidade est√° intimamente relacionada com o tipo de m√≠dia de envasamento que voc√™ est√° usando. Muitos produtores mant√™m suas panelas em uma bandeja de pedras cheias de √°gua para aumentar a umidade local.
  • Fluxo de ar. N√£o tenha medo de um pouco de fluxo de ar. As orqu√≠deas gostam de muito ar fresco, tanto em torno das ra√≠zes (para plantas montadas) como nas folhas. Mas um maior fluxo de ar tende a sec√°-los mais rapidamente, ent√£o voc√™ precisa aumentar a rega.

Instru√ß√Ķes De V√≠deo: .

Deixar Um Coment√°rio