Imagem de flores Miosótis.

Plantas bienais crescem apenas vegetação em seu primeiro ano. Depois de invernar em um estado dormente, eles florescem em seu segundo ano (assim o prefixo "bi-"), produzem sementes e depois morrem.

Para reforçar esse significado com os iniciantes, às vezes é mais fácil responder duas perguntas relacionadas ao mesmo tempo:

  1. O que significa "anual"?
  2. O que significa "perene"?

Isto é, aprender a diferença entre bienais e esses outros grupos de plantas ajudará você a entender melhor a definição.

As bienais podem ser vistas como plantas cujo status de longevidade as coloca entre plantas anuais e perenes.

Você confunde os termos "bienal" (como nas plantas bienais) e "semestral" (como nas eleições semestrais)? A confusão é compreensível. O último adjetivo é definido como pertencente a algo que acontece uma vez a cada dois anos; quando os dicionários definem, eles frequentemente listam o primeiro como sinônimo, o que pode ser enganoso. Um exemplo de algo que pode ser bianual é um evento, como as eleições para o Congresso nos Estados Unidos da América.

Quando o assunto é plantas, no entanto, "bienal" é a palavra certa para usar. Este adjetivo (ou substantivo) é definido como pertencente a uma planta que dura por dois anos. Observe a diferença: a ideia de que algo "dura dois anos" é muito diferente da ideia de que "acontece uma vez a cada dois anos". As eleições para o Congresso ocorrem a cada dois anos, mas elas não estão presentes o tempo todo (graças a Deus) durante o curso desses dois anos, como as plantas bienais são.

Se você se lembrar disso, nunca esquecerá a diferença entre "bienal" e "semestral".

A biologia de plantas bienais e uma lista de exemplos

As bienais completam seu ciclo de vida em um período de dois anos. Qual missão uma planta deve realizar em seu ciclo de vida? Deve reproduzir. Bienais florescem e plantam sementes no segundo ano (durante o primeiro ano, elas parecem um monte de folhas).

Depois disso - tendo cumprido sua única missão na vida - eles morrem. Eles simplesmente não têm razão para continuar vivendo.

As seguintes são (ou podem ser) plantas bienais; Clique em qualquer link da lista para saber mais sobre essa planta em particular:

  1. Susan de olhos pretos
  2. Sinos de Canterbury (Meio Campanula)
  3. Foguete da dama
  4. Prímula
  5. Não me esqueça (Myosotis sylvatica; Ver foto)
  6. Dedaleira
  7. Malva-rosa
  8. Honestidade, conhecida botanicamente como (ou, mais apropriadamente, como Lunaria biennis)
  9. Amores-perfeitos
  10. Rendas da rainha anne
  11. Estoque (Matthiola incarna)
  12. Doce William (Dianthus barbatus)
  13. Wallflower (Erysimum cheiri)

Se fosse assim tão fácil

Note-se que as descrições de certas plantas, por vezes, dizem, "pode ​​ser uma perene bienal ou de curta duração." A falta de clareza absoluta é lamentável, mas inevitável. Uma das entradas na lista acima (foxglove) é um exemplo de uma planta cujo status não é totalmente claro; Portanto, não se surpreenda ao ver uma planta dessas listada como perene em algum lugar. Portanto, embora essas classificações sejam importantes para aprender, esteja ciente de que elas nem sempre são tão agradáveis ​​quanto nós gostaríamos.

No caso das flores de papoula, devemos ter muito cuidado para especificar exatamente que tipo de papoula queremos dizer:

  1. Papoulas orientais (Papaver orientale) são perenes.

  1. Papoulas da Islândia (Papaver nudicaule) podem ser plantas bienais.
  2. Papoilas de ópio (Papaver somniferum) são anuais.

Por que é importante distinguir plantas bienais de outras?

"Eu não entendi porque minha nova planta não estava florescendo até que um amigo jardineiro me informou que era uma bienal e não floresceria até o segundo ano. Eu gostaria de ter sabido antes, porque esperar pelas flores me fez arrancar meu cabelo " Você já ouviu (ou fez) uma admissão como essa? É muito comum. Jardineiros perdem o sono com esse tipo de coisa o tempo todo.

Da mesma forma, se você não perceber que uma planta é uma bienal, você pode estar esperando - e esperando, e esperando - que ela ressurja em seu jardim na primavera do terceiro ano. Se for verdadeiramente uma bienal, você estará esperando para sempre (e passando por frustrações desnecessárias), porque já morreu (na hora certa).

Nenhuma quantidade de rega, adubação, etc. trará de volta. E se você comprar o mesmo tipo de planta novamente, a mesma coisa acontecerá novamente.

É por isso que não é apenas um exercício acadêmico para definir algo como "plantas bienais". Claro, você pode impressionar seus amigos fazendo uma distinção entre "bienal" e "semestral" (veja acima). Mas o que é mais importante é entender a biologia que torna essas plantas bienais (em vez de anuais ou perenes). Se você entende a biologia (neste caso, o ciclo reprodutivo de dois anos), você pode economizar alguma frustração e energia desperdiçada.

Instruções De Vídeo: .

Deixar Um Comentário